Slider

Reunião de mobilização de associações e cooperativas da agricultura familiar que serão atendidos pelo Programa Brasil Mais Cooperativo acontece no Rio de Janeiro

Na mãnha do dia 20 de julho, no prédio principal do Ceasa Rio de Janeiro, foi realizada a primeira Reunião de mobilização de associações e cooperativas da agricultura familiar que serão atendidas pelo Programa Brasil Mais Cooperativo.

O projeto é realizado pela Associação Terceira Via em parceria com a Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural e visa atender 38 municípios e 14 Organizações e Entidades da Agricultura Familiar (OEAF).

Tem como objetivo promover a ampliação da aquisição de gêneros alimentícios e da venda de produtos agrícolas dos empreendimentos econômicos, e propor acesso qualificado ao Programa Nacional de Alimentação Escolar – PNAE e ao Programa Alimenta Brasil – PAB.

No evento foi apresentado toda a metodologia do projeto, quais atividades serão realizadas, benefícios que os participantes terão e por fim os nossos consultores Luana Carvalho, Lethicia Grechi e Rayan Cavalcanti sanaram todas as dúvidas levantadas pelos empreendimentos.

Definindo ações e estratégias

Em um trabalho de grupo proposto pela equipe, as associações e cooperativas presentes trocaram ideias sobre as situações e dificuldades enfrentadas.

Relataram muitas queixas sobre a falta de recurso para o Programa Alimenta Brasil – PAB, antigo PAA, que por muitas vezes, projetos e chamadas públicas existem, mas a execução dos programas não vão para frente por falta de verba e de serem executados as compras na íntegra solicitado nas chamadas.

Acolhendo essas questões, nossa equipe explicou que o projeto vem pra fortalecer as trajetórias do que vem sendo desenvolvido e está funcionando,  e para contribuir e assessorar os empreendimentos nas demandas apontadas e pactuadas com as organizações ao longo da execução do projeto.

Tiveram presentes na reunião de mobilização cerca de 12 associações e cooperativas dos municípios de Barra Mansa, Duque de Caxias, Majé, Mangaratiba, Nova Friburgo, Rio de Janeiro, Sumidouro e Teresópolis. Além dessas, algumas OEAFs dos municípios de Paraty, Angra dos Reis e São Gonçalo têm interesse em aderir ao projeto.

PROJETOS RELACIONADOS

Assessoria e apoio gratuito em PNAE e PAB no Estado do Rio de Janeiro


Participantes do evento