Em reunião do Conselho Gestor da APA Piracantareira, realizada em 23 de março, foi eleito o Sr Gianmarco Bisaglia para o cargo de Secretário Executivo. É a primeira vez que função é assumida por representante da sociedade civil – na gestão anterior o cargo foi ocupado por Joaquim de Oliveira, secretário do meio ambiente de Bragança Paulista.
O principal desafio da APA no momento é a elaboração do Plano de Gestão, que vai promover uma ampla discussão sobre o ordenamento do território e definir diretrizes de uso e ocupação do solo. A APA (Área de Proteção Ambiental) é uma unidade de conservação criada por legislação estadual; a APA Piracantareira integra três APAs: Bairro da Usina (criada pela lei estadual 5280/86), Piracicaba Juquery II (decreto 26882/87 e lei 7438/91) e Sistema Cantareira (lei 10111/98). No total engloba 20 municípios em território de elevado interesse estratégico ambiental, principalmente pelo potencial de produção hídrica.

O Conselho Gestor é formado por representantes de organizações públicas estaduais, prefeituras e organizações da sociedade civil; a APA tem como gestora Lia Martucci de Amorim Santos, da Fundação Florestal. O novo secretário executivo, Gianmarco Bisaglia, reside em Joanópolis, é bacharel em direito pela USP, consultor em políticas públicas e desenvolvimento sustentável, dirigente da ONG Terceira Via e coordenador de diversos projetos na região, como o Cantareira em Rede e o Coletivo Mantiqueira, dentre outros.